Pesquisar este blog

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Bilhete de Wilson Gorj


Nilto,

Obrigado pelo presente literário. Muito bem urdida, sua crônica. Bacana a graduação da sua sede: primeiro de água, depois de corpo[?] e, por fim, saciada na literatura. Mais bacanas ainda as referências afins: ler aos goles, "nas águas barrentas", "escorria para o quarto" [medo líquido]; meu microtexto "Ondas" revelando a outra sede do narrador. E por fim a frase do Mayrant repetindo de outra forma um ditado muito empregado pelo povo: "Por detrás das brincadeiras há sempre alguma verdade". Fiquei muito lisonjeado em ver minha literatura abrilhantada pela sua. Postei o link para a crônica no meu blog: o muro e outras páginas.

Grato abraço. Wilson.

/////