Pesquisar este blog

domingo, 7 de novembro de 2010

Dois poemas de Carmen Silvia Presotto



De mim

algo não pode falar


uma cegueira

um coágulo


cavalos entre retinas

retalham os sonhos


de mim,

hoje não posso escrever


tropeço em pesadelos

**********

Velha de mim


cansada de atos

cansada de fatos


de fato cansada


saio à rua


troco paisagens

rebusco abraços


sem mim


lotada de outros

escrevo
/////