Pesquisar este blog

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Ribalta nordestina (Clauder Arcanjo)





A tragédia realiza-se entre espinhos e cactos;
Dramas, entreatos de homens e bichos, famintos.
A trilha sonora é o ganido de cães lazarentos,
E o chafurdo incontido, cio das magras animálias.
A comédia só se apresenta, personagem vulgar,
Quando a cortina de Tânatos desce seus panos.
E o riso a espoucar nas bocas desdentadas, livres da desdita.
Bravos! Bravos! Bravos!... Ópera-bufa na ribalta nordestina.



Contato: aclauder@uol.com.br
/////