Pesquisar este blog

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Tu (Carlos Nóbrega)



Pensas serem idênticas as estrelas
e as ondas do mar iguais, tu pensas
Uma só tu vês as chamas mil da vela:
É que a distância iguala as diferenças


Pensas uniformes esses grãos de areia
e de montanhas gêmeas a cordilheira imensa
Pensas nada teres com as questões alheias -
É que tu não sentes, tu só vês e pensas.
/////