Pesquisar este blog

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Rudimentos (Pedro Du Bois*)


(Toulouse-Lautrec)

O corpo tosco, ideológico, a bebida
barata do bar da esquina, o olhar
inerte sobre a toalha: a lembrança
é mortalha viva do intelecto e o longo
caminho percorrido no alongar o físico;
o contato contamina o todo destinado
e aos ouvidos se rebelam sons inaudíveis;
repete o gesto com que bebe o líquido,
repete as vezes despretensiosas da saudade;
reafirma ao homem da outra mesa a incerteza
da sobrevivência: ideológico, destila o humor
esbranquiçado da verdade: o homem ao lado
faz de conta que não é com ele e bebe
aos santos de todos os sábados.
________
(*Pedro Du Bois, Rudimentos 1, inédito)
http://pedrodubois.blogspot.com.br

/////